30/12/10

CONTAGEM REGRESSIVA!! É TEMPO DE CONQUISTAR!

novo_ano7

O ano novo se aproxima, e a esperanca renasce no coração.  É tempo de descobrir o saldo positivo do ano que passou, fazendo uma boa reflexão!

Foram mais 365 dias nos quais houve chance de recomeçar. Se houve perdas, foi aprendizado, o que não deu certo é passado.

É hora de refazer  sonhos ainda não realizados
e acreditar que irei concretizá-los. 

Construírei um Ano Novo da cor do Arco Íris,  com mais esperança em minha vida, e em novas  consquistas investirei. Espontaneidade, muito amor e coragem serão o meu lema, e com ele  adiante sempre seguirei.

Novas amizades serão minha meta, mas cuidar sempre com carinho dos meus  amigos é coisa certa! 

E o desânimo?! Ah, o desânimo, se de mim este se aproximar, com certeza dele bem rapidinho hei de me livrar. Vou sorrir muito, e um belo sorriso vai ser a minha arma secreta para a felicidade conquistar!

Neste novo ano, a paz interior, serenidade e confianca serão minhas companheiras inseparáveis e se sentir um vazio, na alma  a dinvindade que existe em mim vou buscar.

Um brinde ao amor eu farei, e que seja  infinito como as estrelas que brilham no céu!

Escrito por:Márcia Prata, Felicidades, saúde e prosperidade em 2011!!!!!!

FELIZ ANO NOVO!!

29/12/10

MAIS UM ANO NOVO ESTÁ CHEGANDO

MAIS UM  UM ANO NOVO ESTÁ CHEGANDO.
 
ano-novo 

2010 ESTÁ CHEGANDO AO FIM.
VAMOS ENCARAR 2011!
TEMOS QUE CORRER RISCOS!

desafios
TEMOS QUE ENFRENTAR NOVOS OBSTÁCULOS
PORTANTO FIQUE ATENTO !
DIVIDA SEU TEMPO COM AMIGO!
SALTE OS OBSTÁCULOS
saltar obstáculos

COM CUIDADO E ATENÇÃO!
NÃO PERCA TEMPO.
ENFRENTE TODOS OS DESAFIOS
MAS, LEMBRE-SE DE DAR GARGALHADAS !
gargalhando

AJUDE,
DESCUBRA,
FAÇA NOVOS AMIGOS,
ESTEJA PRONTO PARA AVENTURAS,  NÃO FIQUE SÓ,
E VOCÊ SERÁ CAPAZ DE IR LONGE
MUITO LONGE...
distante

BEM... MAS NÃO TÃO LONGE ASSIM...
ARRANJE TEMPO PARA CHEIRAR FLORES
flores 5

NÃO ESQUEÇA DE CURTIR...  E DEPOIS RELAXAR...
E NUNCA SE ESQUEÇA DE AMAR AQUELES QUE TE AMAM E QUE SÃO IMPORTANTES PARA VOCÊ!!
caoegato

Há duas formas para viver um novo ano.
Uma é acreditar que não existe milagre...
... e a outra é acreditar que todas as coisas são um milagre.


FELIZ 2011!!

 

27/12/10

FELICIDADE É UMA CAIXINHA

felicidade

Felicidade é uma caixinha  que insistimos em guardar escondido para um dia usarmos. Todos os dias acordamos pertinho desta caixa, mas com nossos sonhos mais loucos vamos guardando a caixinha nos lugares mais altos, cada vez mais longe de nossas mãos.

Algumas pessoas andam com essa caixinha nas mãos diariamente e quando encontram o primeiro obstáculo amassam-na com reclamações e choro de quem nem ao menos tentou lutar.

Outras pessoas carregam a caixinha da felicidade na bolsa, usam como “arma”. Na empresa, na escola e na rua com os amigos, descarregam-na mostrando seu melhor sorriso, mas quando chegam em casa, na hora do convívio com sua família guardam a caixinha e fecham a cara, o mau-humor é a sua marca registrada no lar.

Existem pessoas que carregam a sua caixinha de felicidade e nem sabem que a possuem, são os verdadeiros amigos, a pessoa amada, filhos, ou o emprego do qual elas não se cansam de reclamar. Só percebem que possuíam a caixinha da felicidade quando a perdem, quando conseguem afastar todos da sua vida porque passaram o tempo todo correndo atrás do “ouro dos tolos”.

E tem aqueles que buscam encher a sua caixinha com um monte de tranqueiras numa corrida desesperada para encontrar em algum bem material a sua paz. Essas pessoas colocam na caixinha carros de luxo, apartamentos que nunca vão utilizar por completo, casas e mais casas que nunca vão morar, bebidas caríssimas, roupas que valem 500 cestas básicas, anéis e colares que nem cabem na caixinha. Acabam indo para o “caixão” sem poder levar nada de bom, nada de eterno…

E você?
Onde você guarda a sua caixinha da felicidade?
Ela anda sempre com você, ou você a coloca sempre nos lugares mais distantes?
Felicidade para você é viver este dia ou somente quando possuir aquela casa,
aquele carro, aquela pessoa, aquele filho, aquele…, aquela, isso, aquilo.

Aprenda que a felicidade é uma caixinha que está onde você quiser levar,
use-a diariamente, seja educado, evite reclamações, ouça mais as pessoas,
preocupe-se um pouco com o mundo a sua volta,
descubra que todos tem problemas e as vezes bem maiores que o seu,
esforce-se mais, lute um,pouco mais,
não desista, não permita que algo ou alguém roube a sua paz.

A felicidade é uma caixinha que você pode levar para onde quiser,
se eu fosse você, não à largaria por nada deste mundo.
Pense nisso.  Paulo Roberto Gaefke

25/12/10

BLOGOSFERA, FELIZ NATAL meus amigos

gadgets_natal_2010_f_001

A medida que os nossos blogs crescem, vamos deixando de dar a merecida atencao a cada um dos amigos em especial... Nos sentimos mal... Mas o carinho, o amor e o respeito que temos por cada um, existe, e é fato.

Visitando os blogs, encontramos uma imensa diversidades de gostos, de temas, de cores, de talentos, cada um dando o melhor de si. É isso mesmo, o meu sentimento é que cada um quer oferecer a nossa família (virtual) o seu melhor, e o que é isso se nao Deus, dentro de cada um?? -Claro, Deus se manifesta através dos seus filhos, para os seus filhos.

Esta época meus irmaos, fico sempre emocionada...””””””””””...choro.... de amor, de alegria, de saudades..., da minha infância, das minhas irmas, espalhadas em Sao Paulo, Salvador uma aqui  Alemanha e Portugal. Mas de maneira assumidamente teimosa, persisto em considerar o Natal a data mais bela do ano. Quando afirmo que o Natal é a data mais bela do ano, afirmo dentro daquela visao que aprendi a cultivar na minha infância: era a época em que eu via toda a família reunida com os mais belos sorrisos nos seus rostos confraternizando; meu pai colocava as baladas de Natal na “Radiola” e assim, embalávamos nossos sonhos.

Naquela época nao se colocava presentes embaixo da árvore, eu acreditava piamente que Papai Noel viria pela janela, e só ganhava presentes quem merecia. Eu esperava até depois da meia noite, mas só recebíamos os presentes no dia 25, e era uma ansiedade só.

Hoje, o Natal é o mesmo, o sentido é o mesmo, mas vejo meus filhos vivenciando outra realidade. Contudo a mensagem e as músicas que passo para eles sao as mesmas que vivencei, valores essenciais para a alma. Celebremos o Natal pela realizacao do seu verdadeiro significado, e nao por esta coisa desnorteante criada pelo consumismo devorador de nosso século.

...Estou ouvindo John Lennon cantando a mais bela cancao de Natal..., e me emociono por sentir a atuacao de Deus, a presenca de Jesus e também por aqueles que nao tem Natal. Penso como a tecnologia pode nos aproximar um dos outros, como podemos sentir a energia de cada um através de suas páginas neste mundo chamado de “virtual”. Que de virtual nao tem nada! O planeta é um só, e somos todos cidadaos do mundo, -nao importa a distância, somos uma família imensa.

Meu amigo, se você esta só, receba um abraco bem carinhoso desta amiga de longe. Se você está deprimido, acredite em Deus, tenha fé, procure companhia, telefone para alguém, sinta a energia do Universo te convidando a ser feliz. Se você está com problemas, esqueca-os um pouco, tudo passa, tudo se resolve... Se você está doente, sinta a energia do amor de Deus invadindo seu corpo, curando suas células. Sinta-se revigorado de esperancas, acredite em Deus! Tudo é para o nosso melhor! Se te falta um ente querido, pense que ele está bem, onde estiver.. . Se você está  alegre feliz, que bom! Compartilhe, divida, sorria, sorria para os desconhecidos também, quem sabe este é um único presente que alguém espera.

A toda blogosfera o meu carinho, o meu amor, somos irmaos filhos de um mesmo Deus. Obrigada pela companhia em 2010, e que o menino Jesus nos ilumine, deixando que a magia do Natal permaneca conosco por muito tempo!!!!  Márcia Prata.

Feliz Natal!!

Jésu

23/12/10

PRESENTE PARA JESUS

 

presente

Acordei neste novo dia de Dezembro com vontade de comprar um presente para Jesus, afinal, não existe maior amigo que o Mestre dos Mestres, e no dia 25 o aniversário é Dele.
Sai cedo de casa e fui ao maior shopping center da cidade, pensei primeiramente numa camisa branca, mas quando vi que o branco mais branco da Terra ainda era cinza perto da sua pureza, fiquei com vergonha e desisti.

Em outra vitrine vi um sapato de couro, lindo e caríssimo, mas quando lembrei dos seus pés calçados pelas sandálias da missão cumprida, achei que não existiria na Terra algo tão confortável que merecesse seus pés.

Uma caneta, foi isso que a próxima vitrine me apresentou, uma linda caneta de marca famosa, seria um lindo presente, mas lembrei-me que Ele nunca escreveu nada, tudo que Ele falou, mostrou na prática, servindo e amando sempre.

Lembrei-me, que um dia Ele falou que não tinha sequer um travesseiro para recostar sua cabeça, e pensei no melhor travesseiro de plumas de uma loja especializada em sono, era importado e muito confortável, mas lembrei-me que os justos dormiam tranqüilos e que Ele jamais usaria o travesseiro.

E, assim fui olhando as vitrines, abotoaduras de ouro, malas de viagem, bebidas finas, comidas importadas, tudo supérfluo, tudo matéria que o tempo iria corroer.
Confesso que sai um pouco chateado do Shopping, afinal eu saíra para comprar um presente para Você Jesus, e não havia achado nada.

Na porta do Shopping um menino muito miudinho sorriu para mim, perguntou meu nome e eu o dele, ele riu e me estendeu a mão, tinha o rosto muito sujo, as mãos encardidas, perguntei pela sua mãe, ele deu de ombros, sobre o pai, nem sabia onde estava…perguntei se ele queria tomar um lanche, ele sorriu um sim, pegou na minha mão.

Na porta do Shopping olhou para suas roupas e olhou para mim, sabia que não estava corretamente vestido, peguei-o no meu colo, era a senha para ser feliz, seus olhinhos
miúdos percorriam aquelas luzes, enfeites e pessoas bonitas como se fosse um filme de Walt Disney…
Na lanchonete sentou na cadeirinha giratória e sorriu como “reizinho”, e entre uma montanha de batatas fritas, ríamos felizes como dois velhos amigos.

Falamos sobre bolinha de gude, pipas e bola de futebol, coisas importantes para o ser humano, principalmente quando somos crianças. Devoramos dois lanches, e quando perguntei se ele queria um sorvete gigante como sobremesa, seus olhos brilharam feito o sol, pedi um instante, fui até o caixa, quando voltei com os sorvetes na mão ele já não estava ali… Por instantes pensei que ele tinha ido ao banheiro, ou estaria olhando a lanchonete, mas não estava ali mesmo.

Foi quando sobre a caixa de batatas vazias vi um papelzinho, um bilhetinho escrito com letra miúda que dizia assim:
Obrigado pelo melhor presente de aniversário que poderia me dar:
Fizeste feliz um dos pequeninos do mundo!

assinado,
Jesus

E aquele que der até mesmo um copo de água fresca a um destes pequeninos, na qualidade de discípulo, em verdade vos digo que de modo algum perderá a sua recompensa
Mateus 10:42
Deus abençoe seu coração,

Paulo Roberto Gaefke

21/12/10

O ESPÍRITO DO NATAL


Jesus nasceu

Deixa eu ver se o espírito do Natal já está na sua casa.
Não, não quero ver a árvore iluminada na sala,
nem quero saber quanto você
já gastou em presentes.
Quero sim, sentir no ambiente a mensagem viva
Do aniversariante desse Dezembro mágico:
toda a família está unida?
O perdão já eliminou aquelas desavenças
que ocorrem no calor das nossas vidas?
Não quero ver a sua despensa cheia,
quero saber se você conseguiu doar
alguma coisa do que lhe sobra,
para quem tem tão pouco, as vezes nada.
Não exiba os presentes que você já comprou,
mesmo com sacrifício,
quero ver ai dentro de você a preocupação
com aqueles que esperam tão pouco,
uma visita, um telefonema, uma carta,
um e-mail...
Quero ver o espírito do Natal entre pais
que descobrem tempo para os filhos,
em amigos que se reencontram
e podem parar para conversar,
no respeito do celular desligado no teatro,
na gentileza de quem oferece o banco para o mais idoso,
na paciência com os doentes,
na mão que apóia o deficiente visual
na travessia das ruas,
no ombro amigo que se oferece
para quem anda meio triste,
perdido.
Quero ver o espírito de Natal invadindo as ruas,
respeitando os animais,
a natureza que implora por cuidados tão simples,
como não jogar o papel no chão, nem o lixo nos rios.
Não quero ver o Natal nas vitrines enfeitadas,
no convite ao consumo,
mas no enfeite que a bondade faz
no rosto das pessoas generosas.
Por fim, mostre-me que o espírito do Natal
entrou definitivamente na sua vida,
através do abraço fraterno, da oração sentida,
do prazer de andar sem drogas e sem bebidas,
do riso franco,
do desejo sincero de ser feliz e de tão feliz,
não resistir ao desejo de fazer outras pessoas,
também felizes.
Deixe o Natal invadir a sua alma,
entre os perfumes da cozinha
que vai se encher de comidas deliciosas,
no cheiro da roupa nova que todos vão exibir,
abrace-se à sua família
e façam alguns minutos de silêncio,
que será como uma oração do coração,
que vai subir aos céus,
e retornar com um presente eterno, duradouro:
o suave perfume de Jesus,
perfume de paz, amor,
harmonia e a eterna esperança de que um dia,
todos os dias serão como os dias de natal.
Feliz Natal para você e para os seus!

Paulo Roberto Gaefke

17/12/10

Estatuto de Natal

jesusisborntop

Art. I:
Que a estrela que guiou os Reis Magos para o caminho de Belém
guie-nos também nos caminhos difíceis da vida...
Art. II:
Que o Natal não seja somente um dia, mas 365 dias.
Art. III:
Que o Natal seja um nascer de esperança, de fé e de fraternidade.
Parágrafo único:
Fica decretado que o Natal não é comercial, e sim espiritual.
Art. IV:
Que os homens, ao falarem em crise,
lembrem-se de uma manjedoura e uma estrela,
que como bússola,
apontem para o Norte da Salvação.
Art. V:
Que, no Natal, os homens façam como as crianças:
dêem-se as mãos e tentem promover a paz.
Art. VI:
Que haja menos desânimos, desconfianças, desamores, tristezas.
E mais confiança no menino Jesus.
Parágrafo único:
Fica decretado que o nascimento de Deus Menino é para todos:
pobres e ricos, todas as raças.
Art. VII:
Que os homens não sigam a corrida consumista de "ter",
mas voltem-se para o "ser", louvando o Seu Criador.
Art. VIII:
Que os canhões silenciem,
que as bombas fiquem eternamente guardadas nos arsenais,
que se ouça os anjos cantarem Glória a Deus no mais alto dos céus.
Parágrafo único:
Fica decretado que o Menino de Belém
deve ser reconhecido por todos os homens
como Filho de Deus, irmão de todos!
Art. IX:
Que o Natal não seja somente um momento de festas, presentes.
Art. X:
Que o Natal dê a todos um coração puro,
livre, alegre, cheio de fé e de amor.
Art. XI:
Que o Natal seja um corte no egoísmo.
Que os homens de boa vontade comecem a compartilhar,
cada um no seu nível, em seu lugar,
os bens e conquistas da civilização e cultura da humildade.
Art. XII:
Que a manjedoura seja a convergência
de todas as coordenadas das idéias,
das invenções, das ações e esperanças dos homens
para a concretização da paz universal.
Parágrafo único:
Fica decretado que todos devem poder dizer,
ao se darem as mãos:
Ernest Sarlet                                                                       
Feliz Natal!

15/12/10

VIVER COMO AS FLORES

flor de cactus

Em um antigo mosteiro budista,um jovem monge questiona o mestre ...                                                                         Mestre, como faço para não    me aborrecer?                                                                         Algumas pessoas falam demais,  outras são ignorantes. Algumas são indiferentes.                                                                       Sinto ódio das que são mentirosas.                                                                               Sofro com as que caluniam.

- Pois viva como as flores!                                         - advertiu o mestre.

- Como é viver como as flores? - perguntou o discípulo. Repare nas flores, continuou o mestre, apontando os lírios que cresciam no jardim.                                                                                  Elas nascem no esterco, entretanto, são puras e perfumadas.                                                                               Extraem do adubo malcheiroso tudo que lhes é útil e saudável...                                                                                  ..mas não permitem que o azedume da terra  manche o frescor de suas pétalas.                                                                                       É justo angustiar-se com as próprias culpas, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o importunem. Os defeitos deles são deles e não seus. Se não são seus,  não há razão para aborrecimento. Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo mal que vem de fora.Isso é viver como as flores.

(Autor desconhecido)

09/12/10

EM TUDO SE VÊ

campo

Não deixe a tristeza que as vezes nem é sua,                     tomar conta da sua vida e fazer morada na sua alma quase nua.

Mantenha a serenidade sem rir de qualquer coisa,
pois não somos hienas perdidas.
Nem se perca em tolas lamentações,
como criança mimada no supermercado,
com algum desejo frustrado.

Olhe para a frente!
Até porque, os que olham para o chão,
quase sempre tropeçam nos postes,
ou dão de cabeça no “orelhão”.

Veja quantas oportunidades no dia que começa!

O terreno baldio que tanto te incomoda,
é um convite para o esforço do seu suor.
Oportunidade bendita de criar um jardim,
uma horta, algo muito melhor.

O vizinho que toca música alta pode ser um solitário,
esperando uma visita para um papo,
que pode se estender para um abraço sem nada dizer.
Tudo o que é preciso para uma amizade nascer.

A fofoqueira da rua, é alma carente,
que precisa além de afeto,
uma palavra paciente.

O desemprego desesperador,
pode ser outro bom fator,
para revelar em você, um grande empreendedor.

O martírio dessa doença, uma força para a ciência,
que ao investigar o seu problema abre portas,
desvenda mistérios e na procura,
a tão esperada cura.

O relacionamento que se despedaçou,
pode até significar dor, medo, ausência.
Mas, o coração que hoje se fecha,
é o mesmo que amanhã se alegra,
com a atenção de alguém que desperta,
na sua alma carente,
o eterno desejo de amar,
que em todos é latente.

Por isso, em tudo, não se desespere!
Antes, enxergue possibilidades:
- nas portas que se fecham,
- nos amigos que desaparecem,
- nos contratos que não foram fechados,
- na ligação que não veio,
- no beijo que não virá,
em tudo, uma mão gigantesca vem apoiar,
aqueles que mesmo com chagas, insistem em lutar,
um amor que ultrapassa a nossa compreensão,
vem nos abrigar, e se caímos, vem nos levantar.

Amor além do tempo, sem medidas,
além da compreensão,
amor de Deus, benção para todos,
sem distinção.

Eu acredito em você
Paulo Roberto Gaefke

02/12/10

A GENTE SOBREVIVE

Little_One_by_robcamp1000

A Gente sobrevive às noites mal dormidas e aos pesadelos da hora de vigília daqueles dias que gostaríamos de apagar dos calendários.

A gente sobrevive às dores físicas e às moléstias crônicas que nos parecem eternas, que nos minam as esperancas.

A gente sobrevive aos danos e prejuízos materiais que nos pressionam a recomecar do zero.

A gente sobrevive à perda de entes queridos, de amigos amparadores, de animais de estimacao, e de tantas e tantas coisas que julgávamos imprescíndiveis para continuar a viver.

A gente sobrevive aos abusos “dos donos” do poder, às ingratidoes e às decepcoes, às mágoas e às feridas.

A gente sobrevive ao baque do preconceito, à lâmina da maledidência, ao punhal da traicao.

HÁ EM NÓS UMA ENTIDADE EM ALERTA QUE NAO CONSCIENTIZAMOS: O INSTINTO DE SOBREVIVÊNCIA!

Todos os dias sobrevivemos a desafios que nos fariam tremer se pudéssemos ver no dia anterior.

De minuto a minuto parace haver uma Dinvindade que nos prepara de forma precisa para eventos extremamente apavorantes e possíveis.

Quem se refere a uma situacao dizendo: “nao estou preparado para isso” se engana. Há sempre aquela “Dinvindade” zelando por nossos limites, nao permitindo que eles sejam solicitados para além do seu auge.

A hora da morte pode assinalar a rendicao do instinto de sobrevivência, mas, ainda assim, prossegue intacto o nosso espírito pelo caminho que o leva para Deus, para a vida eterna.

Rende-se o corpo, rende-se a mente, mas nao rende-se o nosso espírito, porque para ele Deus é o limite, e esse limite nao impoe desafios.

De uma forma ou de outra, nós sempre sobreviveremos, porque somos eternos enquanto eterno for Deus.

SILVIA SCHMIDT